0

O presidente da Assembleia Legislativa do Pará, deputado Francisco Melo (Chicão), acatando solicitação da deputada Lívia Duarte, presidente da Comissão de Cultura, e do deputado Carlos Bordalo, que preside a Comissão de Direitos Humanos da Alepa, recebeu o presidente da Imprensa Oficial do Estado, Jorge Panzera, e o diretor da Editora Pública Dalcídio Jurandir, Moisés Alves. Em pauta, o segundo edital do Prêmio Literário Dalcídio Jurandir, que incentiva a publicação de obras inéditas de escritores paraenses e que será custeado por emenda parlamentar compartilhada.

Além de premiar uma obra de escritor paraense em cada região, contemplando todo o Pará, este ano a premiação terá obras temáticas relacionadas aos direitos humanos com os temas gênero, pessoas com deficiência, populações tradicionais, indígenas e quilombolas, juventude, e também para escritores de histórias em quadrinhos. “Essa é uma iniciativa muito importante, que contou com o imediato apoio do deputado Chicão e de vários outros deputados. A Ioepa, através da Editora Dalcídio Jurandir, tem muito a agradecer pela cooperação do fortalecimento da nossa política de edição de livros”, acentuou Jorge Panzera.

O primeiro edital foi divulgado em 2019, mas devido à pandemia de Covid-19 a cerimônia de premiação só ocorreu em 2021, na 24ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, na Arena Guilherme Paraense (Mangueirinho).

O segundo edital já conta com a assinatura na emenda compartilhada dos deputados Chicão, Carlos Bordalo, Braz, Elias Santiago, Iran Lima, Lívia Duarte, Maria do Carmo e Ronie Silva. “O Prêmio Literário Dalcídio Jurandir tem uma importância muito grande do ponto de vista de oportunizar obras inéditas de escritores paraenses que não têm oportunidade de publicar seus livros”, declarou o diretor da editora, Moisés Alves.

Meros Toques de um jornalista-cidadão

Anterior

OAB-PA e Prefeitura de Belém pela causa animal

Próximo

Vocë pode gostar

Mais de Notícias

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *