Evellyn Vitória Souza Freitas nasceu no chão do banheiro do Hospital Municipal de Portel, município do arquipélago do Marajó (PA), no dia 28 de julho de 2021, por volta das 8h da manhã, prematura de 28 semanas e dois dias, pesando 1Kg e 39…

Vanete Oliveira, a jovem marajoara de 28 anos e mãe de cinco filhos que sofre há catorze anos com um tumor enorme em um dos olhos, que lhe cobre quase a metade da face, já está internada no Hospital Ophir…

Equipes da Divisão de Homicídios e da Delegacia de Repressão de Furtos e Roubos estavam monitorando há um mês o grupo criminoso que planejava roubar em torno de R$ 1 milhão no caixa eletrônico do Banpará localizado dentro do Hospital…

Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

Boto cor-de-rosa ameaçado de extinção


Os nossos lindos, míticos e inofensivos botos cor-de-rosa amazônicos estão sendo mortos e ameaçados de extinção no Brasil. Tudo porque servem como isca para atrair cardumes de piracatinga. Para evitar a matança, os Ministérios da Pesca e Aquicultura e do Meio Ambiente proibiram a pesca de piracatinga por 5 anos. Mas a medida só começa a valer a partir de janeiro de 2015. O boto Inia geoffrensis consta no Livro Vermelho da Fauna Brasileira Ameaçada de Extinção. Os  registros do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI) e da Associação Amigos do Peixe-Boi (Ampa), desde 2000, apontam que a população do boto cor-de-rosa (que eles chamam de vermelho), estudada na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá, vem diminuindo 10%  todo ano. Será que vão esperar a extinção para depois bradar contra ela?!

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *