0

Em matéria de ontem (6), intitulada Ramal do Cuamba finalmente prestes a ser asfaltado, concluí que era preciso esclarecer o que mudou no projeto para mais do que dobrar o preço da empreitada, em menor extensão. Hoje (7), logo cedo, o secretário de Estado de Transportes, Adler Silveira, enviou-me mensagem pelo WhatsApp fazendo os devidos esclarecimentos e, como demorei a visualizar, ligou e conversamos. De forma muito educada e gentil como sempre, o secretário explicou que, ao contrário do que eu publiquei, houve até decréscimo no valor total do contrato, em relação ao licitado em março, e que o valor de R$40 milhões que publiquei como total referia-se a apenas um dos três lotes em que foi dividida a obra do Ramal do Cuamba.

Confiram os valores comparativos dos contratos celebrados e os valores licitados, conforme informação do secretário Adler Silveira, a quem agradeço a pronta informação e a disponibilidade para esclarecimentos e peço desculpas por não tê-lo procurado ao redigir a matéria anterior, ainda que tarde da noite. Peço desculpas também ao leitores, pela informação anterior ter sido incorreta; apenas esta deve ser considerada, quanto aos valores do trecho.

Valor e Km dos Contratos Celebrados:
Lote 1 – 16 km – R$ 33.971.684,33
Lote 2 – 17 km – R$ 32.760.430,45
Lote 3 – 20 km – R$ 39.183.017,96
Total – 104 milhões 53 km

Valor e Km Referência da Licitação:
Lote 1 – 16 km – R$ 34.331.192,08
Lote 2 – 17 km – R$ 34.771.818,52
Lote 3 – 20 km – R$ 40.063.749,31
Total – $109 milhões 53 Km

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Ramal do Cuamba finalmente prestes a ser asfaltado

Anterior

26ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes começa neste sábado

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *