0

Quem foi a Oriximiná há quatro anos não conhece mais a cidade, que agora sim faz jus ao título de Princesa do Trombetas. Sem favor algum, posso afirmar que o prefeito Delegado Fonseca transformou completamente o município. A orla, que era um amontoado de baiúcas imundas, agora é espaço aberto ao rio, com equipamentos de lazer para crianças, jovens e adultos. As praças, que ninguém podia frequentar pois sequer tinham bancos para sentar foram reconstruídas e dotadas de atrativos. Foi erguido um shopping popular com materiais de excelente qualidade, com conforto e segurança, as ruas foram drenadas, asfaltadas e alargadas para avenidas, construído ginásio esportivo público coberto e várias quadras poliesportivas, criado museu que guarda a memória do município, que tem as maiores áreas quilombolas e indígenas do Brasil, fundada Academia de Letras, bibliotecas, reformado o parque agropecuário que agora é digno de eventos de grande porte, construídos parques infantis, academias ao ar livre.

Dá gosto de ver o dinheiro público sendo bem aplicado.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

O direito de se pintar

Anterior

Içado o caminhão tanque com diesel do rio no Marajó

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *