0

Não dá para ignorar mais a indignação do povo brasileiro. Não adianta o governo federal tachar de golpista e outros rótulos quem reivindica um País livre de roubalheiras que subtraem, por baixo, cem bilhões de dólares ao ano, dinheiro público que poderia salvar vidas e impulsionar a nação a sair do eterno subdesenvolvimento. A cidadania se impõe nas ruas, é preciso respeitá-la. 
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

HUBFS trata com descaso seus pacientes

Anterior

Coisas e causos das redes sociais

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *