Embora o Quartel Tiradentes esteja localizado no coração do bairro do Reduto, sediando o 2º BPM e duas Companhias da Polícia Militar do Pará, os meliantes parecem desafiar abertamente os policiais. Os assaltos no bairro continuam muito frequentes, principalmente no…

Douglas da Costa Rodrigues Junior, estudante de Letras - Língua Portuguesa da Universidade Federal do Pará e bolsista do Museu Paraense Emílio Goeldi, ganhou a 18ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica na área de Ciências Humanas…

O Ministério Público do Trabalho PA-AP abrirá na segunda-feira inscrições para Estágio de Nível Superior. A seleção será destinada ao preenchimento de vagas e formação do quadro de reserva de estagiários dos cursos de Administração/Gestão Pública, Biblioteconomia, Direito, Jornalismo, Publicidade/Propaganda…

Hoje, dia 23 de julho de 2021 às 19h, o Instituto Histórico e Geográfico do Pará realizada a nona “Live em Memória” da programação alusiva aos 121 anos do Silogeu, desta vez em homenagem ao centenário de nascimento do Almirante…

81 municípios em emergência

O Ministério da Integração Nacional reconheceu, hoje, situação de emergência em 81 municípios de Alagoas, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Pará, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe, atingidas por desastres naturais diversos, como seca e estiagem, chuvas intensas, alagamentos e deslizamento de solo. A medida é o primeiro passo para que as prefeituras recebam apoio federal em ações de socorro e assistência à população, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de áreas danificadas.

Em Alagoas, 68 cidades foram prejudicadas pelo extenso período de seca e estiagem. O mesmo aconteceu nos municípios baianos de Miguel Calmon, Nova Itarana, Pé de Serra e Pindobaçu, além de Colatina, no Espírito Santo, e Graccho Cardoso, em Sergipe.
Já Mariápolis (SP), Uru (SP) e Itaituba (PA) foram atingidas por chuvas intensas, situação que também provocou enxurradas em Conceição do Araguaia e alagamentos em Rio Maria, ambas no Pará. No município de Tefé (AM) estruturas foram danificadas pelo deslizamento de uma encosta, e em Porto Belo (SC) uma ponte foi destruída. 

Para obter apoio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, os municípios devem apresentar o Plano Detalhado de Resposta (PDR) e um relatório com o diagnóstico de danos. Os dados podem ser obtidos por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2ID), disponível aqui neste endereço eletrônico. Após a análise, se aprovado, os recursos são definidos e liberados.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *