0
A era dos livros digitais acaba de gerar mais um conceito, a Twitteratura. Nesta semana, o autor de Sandman (você gosta de história em quadrinhos como eu?), o norte-americano Neil Gaiman, convidou seus seguidores no Twitter para co-escrever sua próxima publicação. Gaiman começou o projeto deixando os primeiros 140 toques da obra em sua página da rede de relacionamentos e espera que seus fãs continuem a saga. Já a editora britânica Penguin deve lançar no mês que vem uma compilação dos satíricos tweets de dois alunos da Universidade de Chicago que resolveram simplificar a história de clássicos da literatura universal.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Parceria inédita e histórica

Anterior

Projeto duvidoso

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *