Em reunião conjunta das Comissões de Fiscalização Financeira e Orçamentária (CFFO) e de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (18) foi aprovado o projeto de lei nº 363/2021, que autoriza o Governo do Pará a contratar operação…

Não houve o célebre círio fluvial de Oriximiná no rio Trombetas este ano, por causa da pandemia, mas a imagem de Santo Antônio flanou pelas águas, levada pela comunidade de várzea do Rio Cachoeiry, que celebrou o verão depois da…

Aprender mais sobre as boas práticas Lixo Zero e como aplicá-las no dia a dia, repensando hábitos de consumo e inspirando a população a enxergar os seus resíduos com dignidade é o que propõe a programação que acontecerá entre os…

Aprovado à unanimidade pela Assembleia Legislativa, o projeto de lei nº 245/2021, de autoria do Poder Executivo, dispondo sobre a denominação do Arquivo Público do Estado do Pará, em homenagem ao jurista e professor paraense Zeno Augusto de Bastos Veloso,…

Tudo em excesso faz mal

As pessoas devem desconfiar das “fórmulas milagrosas” que prometem emagrecimento rápido. Elas podem ter derivados anfetamínicos, diuréticos e laxativos que promovem uma repentina perda de peso – em grande parte por causa da desidratação – que é rapidamente recuperado com a interrupção do uso. De maneira geral, se desconhece os efeitos deletérios do uso prolongado destas substâncias. E para quem acha que os fitoterápicos não têm efeitos negativos, saiba que pode haver aumento da diurese (freqüência para urinar), diarréia e até mesmo gastrites e úlceras, pois alguns fitoterápicos, em doses excessivas, podem agredir o estômago.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *