0
Foto: Luís Celso
O vice-almirante Edlander Santos, que brilhou no exercício de suas funções perante o Pará, o Amapá, o Maranhão e o Piauí, transmite amanhã de manhã em cerimônia oficial o comando do IV Distrito Naval para o também vice-almirante Alípio Jorge Rodrigues da Silva, que o substituirá. Pela sua simpatia, simplicidade, integração à comunidade e elogiável trabalho realizado, conseguiu a admiração de toda a sociedade e recebe muitas homenagens em sua despedida. Edlander Santos, que contribuiu com o combate ao escalpelamento de mulheres nos nossos rios, realizou constantes campanhas de doação de sangue e prestou assistência cidadã aos ribeirinhos, é grande conhecedor da Amazônia – ainda Capitão-de-Mar e Guerra foi Capitão dos Portos da Amazônia Ocidental, sediado em Manaus – vai pedir para entrar na reserva e, segundo furo do jornalista Alyrio Sabbá, especializado em assuntos portuários, voltará em breve a trabalhar em Belém, desta feita na iniciativa privada. Na foto, quando recebi a comenda Amiga da Marinha, ao lado do vice-almirante Edlander Santos e da presidente da Sociedade Amigos da Marinha(Soamar-PA), armadora Milva Rebelo.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Solidariedade com quem perdeu tudo

Anterior

Desmatador condenado a recuperar área

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *