Em uma aula prática da Faculdade de Medicina da Unifamaz, ontem, o professor Marcus Vinícius Henriques de Brito, visivelmente impaciente com a aluna que deveria demonstrar intubação em um boneco, questionou a falta de lubrificação prévia do paciente, ao que…

Na quarta-feira passada, dia 24, a audiência pública na Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara Federal, em Brasília, era para discutir a gravíssima situação na Terra Indígena Yanomami, mas o clima de enfrentamento entre bolsonaristas e lulistas inviabilizou…

O prefeito Edmilson Rodrigues anunciou que Belém tem condições de fazer o Carnaval 2022, após reunião hoje (25) à tarde com representantes das escolas de samba e blocos carnavalescos. Ele acredita que com mais de 80% de pessoas vacinadas contra…

Em 17 de dezembro de 1999, a Assembleia Geral das Nações Unidas designou o 25 de novembro Dia Internacional da Eliminação da Violência contra a Mulher. Passados 22 anos, os dados do 14° Anuário Brasileiro de Segurança Pública são aterrorizantes: por…

Transporte público vergonhoso

A legalização dos mototaxistas é mais um golpe na sofrida população de Belém. A medida atende pura e descaradamente os interesses eleitoreiros do prefeito CO2 e dos vereadores. A obrigação deles é proporcionar transporte público eficiente, seguro e confortável à população, com terminais de integração e bilhete único.

Teve carreata e matéria de página inteira com manchete na capa de jornais a tal concessão de autorização para micro-ônibus suprirem a enorme demanda dos bairros da periferia. Não se vê um circulando.

Os moradores do Outeiro se queixam há anos de que não há ônibus suficientes, passam em intervalos de duas horas e só vão até São Braz. Até as vans só estão fazendo o trecho Outeiro/Icoaraci. Com isso, os usuários – pessoas pobres – são obrigados a pagar duas e até três passagens para vir de Outeiro ao centro de Belém.

Uma vergonha, para encher os bolsos de quem banca as despesas com a campanha.

E ninguém faz algo para que os direitos do povo sejam respeitados e acabar com esses desmandos.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *