0
A governadora Ana Júlia Carepa, o presidente do Iterpa, Helder Benatti, e o presidente do TJE-PA, desembargador Rômulo Nunes, assinam em Brasília na terça-feira convênio com o CNJ, Incra e AGU, a fim de implantar medidas relacionadas ao processo de regularização fundiária no Pará, modernizando os cartórios de registro de imóveis, com restauração dos documentos danificados, digitalização de todas as folhas dos livros, criação dos respectivos índices para consulta e instalação de sistemas de informática que garantam padronização, segurança e confiabilidade nos procedimentos.

O Pará será o primeiro estado do País a contar com o sistema, que ajudará a combater a grilagem de terra e os conflitos no campo, uma vez que tornará mais fácil a consulta documental sobre quem são os donos das propriedades sob litígio.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Leõezinhos vitoriosos

Anterior

Estado deve amparo

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *