0
O procurador de Justiça Nelson Pereira Medrado e os promotores de Justiça Milton Luís Lobo de Menezes e Harrison Henrique da Cunha Bezerra, com apoio do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do MPE-PA, e da Polícia Rodoviária Federal, deslancharam hoje cedo a “Operação Guaiamum”, nos municípios de Santarém Novo e Belém, onde cumpriram cinco mandados de busca e apreensão a fim de colher provas de fraudes em licitações e outras irregularidades na gestão do prefeito Sei Ohaze e do vice-prefeito Paulo Neves Campos, ambos já afastados por decreto legislativo da Câmara Municipal em 30 de março deste ano.  A equipe do MP ainda está em Santarém Novo.

Na casa do prefeito afastado Sei Ohaze foram apreendidas sete armas de grosso calibre (revólveres e escopetas) – uma com numeração raspada (não cabe fiança) – e munição. Ohaze não foi encontrado. Na residência do vice Paulo Campos, em Santarém Novo, foram apreendidos documentos relacionados a licitações municipais. Campos estava em casa no momento da ação. Já na sua residência em Belém, foram recolhidas mídias de computador. Na sede da prefeitura de Santarém Novo houve a apreensão de dezenas de processos licitatórios. Avaliações preliminares já apontam indícios de montagens em alguns procedimentos. O Ministério Público do Estado foi também na Ferreira & Viggiano Cia Ltda ME, empresa fantasma de propriedade do prefeito Ohaze, em Santarém Novo. O endereço do estabelecimento coincide com um quarto de pensão.
Todo o material será analisado em Belém pelo MPE-PA, que deverá ajuizar ações nas áreas cível e criminal.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Governo do Pará anuncia reajuste salarial

Anterior

Oriximiná: luz da UHE mas CRAS desaba

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *