A empresa de ônibus Belém-Rio, que faz a linha para o distrito de Outeiro – Ilha de Caratateua, em Belém, aparentemente está falida e reduziu pela metade a sua frota, causando enorme sofrimento aos usuários do transporte coletivo. O serviço,…

A Cosanpa abriu nada menos que seiscentos buracos imensos nos bairros mais movimentados de Belém, infernizando a vida de todo mundo com engarrafamentos e causando graves riscos de acidentes, principalmente porque chove sempre, e quando as ruas alagam os buracos…

O Procurador-Geral de Justiça César Mattar Jr. inaugurou nesta quinta-feira, 16, o Núcleo Eleitoral do Ministério Público do Estado do Pará, que vai funcionar na sede das Promotorias de Justiça de Icoaraci, distrito de Belém. O coordenador será o promotor…

A desembargadora Maria de Nazaré Saavedra Guimarães, que se destaca pelo belo trabalho que desenvolve à frente da Comissão de Ações Judiciais em Direitos Humanos e Repercussão Social do Tribunal de Justiça do Estado do Pará, e que já coordenou…

O PNBI e o Barão de Itararé

Os fenômenos eleitorais, tal qual os cometas, volta e meia aparecem para confirmar sua existência e deixam todo mundo embasbacado. Este ano, há um tal PNBI – Produto Nacional Bruto do Inconformismo, somatória de todos os problemas cotidianos, estado geral de indignação, que começa pela ladeira da economia, passa pelos escândalos de corrupção e certamente se voltará contra os atores políticos, com reflexos decisivos no pleito de outubro.
Na última pesquisa do Ibope, 72% dos 37% que não indicaram preferência por qualquer candidato não têm interesse na eleição deste ano, o que sinaliza para um número alto de abstenções, votos nulos e brancos. Na pesquisa espontânea, 56% não marcaram qualquer candidato. 

O eleitorado está descontente e desconfiado. Como isso vai se traduzir nas eleições estaduais, além da presidencial – e que se espraia, lógico, nas proporcionais -, ainda é uma incógnita e um desafio que tira o sono dos marqueteiros dos candidatos.

Como diria o Barão de Itararé: “tudo seria mais fácil se não fossem as dificuldades.”

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *