0

“O Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) informa, a respeito do episódio registrado na manhã desta quinta-feira (11), em que houve a depredação do patrimônio público, que será aberto processo administrativo para apurar a responsabilidade pelos danos.


O órgão já está fazendo o levantamento, com base nas imagens gravadas pelo circuito interno, dos responsáveis pelo fato lamentável. O Detran informa, ainda, que o Governo do Estado vem negociando as reivindicações dos servidores deste departamento diretamente com a Intersindical, a qual o Sindicato dos Servidores do Detran Pará (Sindetran) é filiado.

Na reunião realizada no dia 1º de março, na Secretaria de Estado de Planejamento, Orçamento e Finanças (Sepof), ficou pactuada a instalação de uma Mesa Setorial específica entre o Sindetran e o Detran, a fim de dar solução às demandas administrativas e relacionadas às condições de trabalho.

Vale ressaltar que das nove reivindicações realizadas pelos servidores, oito já foram atendidas, faltando apenas a que diz respeito ao Plano de Cargos Carreiras e Remuneração (PCCR), que será apreciado pelo governo, após as negociações do reajuste dos servidores com a Intersindical.

Desta forma, encontrando-se aberto o diálogo entre o governo e o Sindetran, considera-se ilegítima a deflagração de greve, razão pela qual os serviços administrativos deste departamento permanecerão em funcionamento.

Assessoria de Comunicação/Detran-Pará”

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

CDP está afundando

Anterior

Oeste discute temas

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *