O IV Distrito Naval da Marinha do Brasil, em parceria com o Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), Praticagem da Barra do Pará, Sociedade Amigos da Marinha Pará, Secretarias de Saúde de Barcarena e do Estado do Pará, Tribunal…

Guy Veloso, filho do saudoso jurista, notário e político Zeno Veloso, plantou em sua memória um pé de baobá na Universidade Federal do Pará, onde o ilustre parauara se destacou como professor de direito civil e direito constitucional, formando gerações…

Evellyn Vitória Souza Freitas nasceu no chão do banheiro do Hospital Municipal de Portel, município do arquipélago do Marajó (PA), no dia 28 de julho de 2021, por volta das 8h da manhã, prematura de 28 semanas e dois dias, pesando 1Kg e 39…

Vanete Oliveira, a jovem marajoara de 28 anos e mãe de cinco filhos que sofre há catorze anos com um tumor enorme em um dos olhos, que lhe cobre quase a metade da face, já está internada no Hospital Ophir…

MP quer intervenção em Parauapebas

A 5ª promotora de Justiça Cível de Parauapebas, Maria Cláudia Vitorino Gadelha, pediu ao procurador-geral de Justiça, Gilberto Martins, que requeira intervenção do Estado do Pará no município de Parauapebas,  por descumprimento de decisão judicial que garante direito à saúde e também para assegurar a observância do princípio constitucional que rege os direitos da pessoa humana.

Só de janeiro a maio deste ano, ela ajuizou 30 ações civis públicas a fim de fazer valer direitos de idosos, crianças e adolescentes. Desde simples consulta médica até um pedido de leito vêm sendo judicializados.
Em razão da demora no atendimento médico e hospitalar, tem havido agravamento de doenças e até mesmo óbitos de moradores. De agosto do ano passado a maio deste ano foram registradas oito mortes, de uma criança e sete idosos, razão pela qual a representante do MP não encontrou solução senão representar pela intervenção estatal. 

De notar-se que Parauapebas é um dos municípios mais ricos do Pará, o que leva à preocupação com o estado dos demais.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *