0

O jornalista Ronaldo Lázaro Tiradentes, da Rádio e TV Tiradentes, retransmissora da CBN em Manaus, representou à Polícia Federal do Amazonas contra o senador licenciado e ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, e seu filho, Gustavo Nascimento, por ameaça e abuso de autoridade.
Relatou que, no último sábado (27), ele e sua mulher, a advogada Kiê Mariee Cavalcante Hara, aguardavam vaga no estacionamento do hangar do Governo do Estado quando foram abordados pelo ministro, seu filho, e o Capitão da Policia Militar, Wellington Silva. Ao ver o casal no carro da emissora, Alfredo Nascimento tentou arrombar a porta do lado do motorista, gritando “abra a porta vagabundo, ladrão, safado e desce do carro que eu quero passar por cima de você“.
Do outro lado, Gustavo Nascimento aproveitou que os vidros estavam entreabertos e agrediu a esposa do jornalista com vários socos, enquanto ela tentava impedir que abrisse a porta do carro.
As agressões só acabaram quando o jornalista começou a documentar a cena com seu celular. O ministro, então, correu para não ser filmado, mas o oficial da PM continuou a desferir socos e pontapés em Ronaldo Tiradentes e no jornalista Marcos Santos, que também aguardava vaga para estacionar logo atrás.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Pauta esgotada na Alepa

Anterior

Maria Lídia convida

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *