0
As, digamos, animosidades entre o senador Mário Couto (PSDB) e o deputado Carlos Bordalo PT) recrudesceram ainda mais hoje. Depois da troca de ofensas – Couto insultando a governadora Ana Júlia Carepa e Bordalo, em defesa dela, retribuindo no mesmo tom, ambos da tribuna -, fato novo jogou mais lenha na fogueira. Bordalo, em entrevista coletiva, hoje no final da manhã, revelou que, ontem, logo depois de seu discurso em plenário, em telefonema anônimo ao seu gabinete, alguém ameaçou sequestrar sua filha. “Quero mandar um recado ao senador Mário Couto. Se alguém quiser me atingir, que seja diretamente, e não faça mal à minha filha, que tem síndrome de Down e não pode se defender“, disse, reconhecendo, contudo, que não tem certeza da autoria da ameaça.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Cena de Belém

Anterior

Contas aprovadas

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *