0
O Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo marcou na sexta-feira, 29, R$ 100 bilhões em impostos que os brasileiros pagam desde o primeiro dia do ano. Em 2009, o mesmo valor foi atingido quatro dias depois, 2 de fevereiro; em 2008 a marca também foi atingida no dia 2 de fevereiro. Desde então o aumento de impostos é considerável, já que em 2005 a arrecadação de R$ 100 bi só aconteceu no dia 18 de fevereiro.

A Constituição assegura a todos acesso irrestrito aos serviços médico-hospitalares e ao ensino público, gratuito e de boa qualidade. Nossa carga tributária é uma das maiores do mundo. Por que um País recordista em arrecadação negligencia esse dever?
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Me dá um dinheiro aí

Anterior

Público & privado

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *