0

O Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres nasceu como um “fruto” da Campanha Laço Branco, que no Brasil é coordenada pela Rede de Homens pela Equidade de Gênero.

O envolvimento dos homens na defesa das mulheres e na busca pela igualdade de gênero é fundamental para a contenção da violência contra as mulheres em todo o mundo. Não se trata só de não praticar a violência, mas também não fechar os olhos para a violência e de promover maior espaço feminino, maior atenção à saúde da mulher, garantindo a ela condições de ocupar espaço na sociedade, trabalhar diuturnamente para a eliminação da desigualdade.

Somos todos responsáveis pela luta para que mulheres e homens sejam igualmente respeitados e valorizados.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Fiepa e CNI celebram cooperação internacional

Anterior

35 anos do assassinato do deputado constituinte João Batista

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *