A expectativa era grande em relação à ida do governador Helder Barbalho à Assembleia Legislativa para a leitura da Mensagem na instalação da 61ª Legislatura. Funcionou como uma espécie de termômetro da Casa, que abriga novos deputados na oposição, e…

Foram empossados hoje na Assembleia Legislativa do Pará os 41 deputados estaduais eleitos para a 61ª Legislatura (2023-2027). Em seguida houve eleição para a Presidência e a Mesa Diretora, em chapa única, tendo sido reeleito praticamente à unanimidade – por…

O governador Helder Barbalho está soltando a conta-gotas os nomes dos escolhidos para compor o primeiro escalão de seu segundo governo. Nesta quarta-feira será a posse dos deputados estaduais e federais e dos senadores, e a eleição para a Mesa…

Pela primeira vez na história, está em curso  um movimento conjunto da Academia Paraense de Letras, Academia Paraense de Jornalismo, Instituto Histórico e Geográfico do Pará e Academia Paraense de Letras Jurídicas, exposto em ofício ao governador Helder Barbalho, propondo…

Hafemann International em Óbidos

 Obra do artista Klinger Carvalho

                                                           Obra da artista Mônica Linhard

 Obra do artista José Roberto Aguilar

Abriu hoje em Óbidos, cidade histórica e linda do Oeste do Pará, a Exposição “Correnteza”, da Hafemann International, galeria de arte alemã da cidade de Wisbaden. O artista Klinger Carvalho, filho de Óbidos, está capitaneando o evento junto com o galerista Gottfried  Hafemann, que também é artista plástico. A mostra vai até dia 18 de setembro. Depois, segue para Belém, para a Galeria Fidanza. Os artistas e curadores foram recebidos com festa no cais do porto por representantes da Academia Artística e Literária de Óbidos, Associação Cultural Obidense, Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA/Óbidos) e até do bloco “Pai da Pinga”, além de representantes da Prefeitura Municipal e populares. A Secretaria de Estado de Cultura apoia o evento.

A renomada galeria existe há 25 anos e nos últimos anos executa o projeto de ir à cidade de origem de um dos artistas associados. Desta vez o homenageado é Francisco Klinger Carvalho, obidense que mora e trabalha em São Paulo. 

A exposição utiliza várias linguagens: vídeo, fotografia, desenho e escultura. A programação incluiu um simpósio com os artistas visitantes e locais, com relato das obras, que começou ainda no dia 11 passado. As fotos são de Tamara Saré.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *