0
Como já se previra neste espaço, o quase ex-deputado Vic Pires Franco tanto fez que isolou de tal modo o DEM, ficou para fona, e acabou por inviabilizar a tão oferecida candidatura de Valéria e a sua própria. Sabendo que não têm chances de se eleger, resolveram partir para o mata-mata, na esperança de Simão Jatene ser eleito, para lhes garantir o comando de secretarias de Estado e a máquina para apoiar candidatura de Valéria a prefeita de Belém, daqui a dois anos. Da campanha de 2010, já estão fora. Uma espécie de renúncia para escapar da cassação popular.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Águas rasas

Anterior

Inimigo mora ao lado

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *