0
Inédito no Brasil, o “Simples Ambiental”, modelo pautado na transparência e na tecnologia que deve aumentar o nível de atração de investimentos e a competitividade dos produtos paraenses, facilitando a vida de produtores rurais, empresários e empreendimentos sem abrir mão do necessário controle e segurança, foi lançado pelo governo do Pará.

Também foi criado o “De olho na floresta”, plataforma de análise que vai desde o licenciamento até o monitoramento de desmatamento, com a utilização de imagens de satélite de alta resolução que garantem mais segurança técnica de apreciação nos projetos e na cobertura florestal. 

Além de ser distribuído para todos os órgãos interessados,  o sistema está disponível no site da Semas e há versão para celular. Os secretários de Estado Adnan Demachki, Luiz Fernandes, Izabela Jatene e Justiniano Neto, prefeitos, técnicos e o presidente da Alepa, deputado Márcio Miranda, foram ao evento de lançamento.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Pará rumo ao Desmatamento Líquido Zero

Anterior

Afronta ao patrimônio histórico e cultural

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *