0
“O cobertor orçamentário do Estado é curto. Se nós dividirmos o orçamento do Pará, que é de aproximadamente R$ 10 bilhões, pelos sete milhões de paraenses, nós teremos aproximadamente R$ 1.100 para investimento per capita por ano. Como um ano tem 12 meses, o valor de investimento mensal por pessoa cai para pouco mais de R$ 100 para garantir saúde, educação, infraestrutura e saneamento para a população. É por isso que o dinheiro precisa ser bem aplicado e, para que ele seja bem aplicado, é preciso saber quais são as reais necessidades do conjunto dos paraenses”.

(Ex-governador Simão Jatene, presidente de honra do PSDB-PA, durante reunião em Marapanim, promovida pelo Instituto Teotônio Vilela, dentro do projeto “O Pará que Queremos”).
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Politicagem, não!

Anterior

Estranho no ninho

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *