0
O governador Simão Jatene vistoriou o Hospital Abelardo Santos, em Icoaraci, acompanhado do secretário de Saúde, Hélio Franco, e constatou que há muitos leitos ociosos por falta de médicos, principalmente na Maternidade. Foram encontrados encaixotados equipamentos adquiridos para implantar a área de traumato-ortopedia e o Centro de Especialidades Odontológicas inaugurado em 27 de outubro do ano passado, apesar de totalmente equipado, nunca funcionou. Jatene prometeu iniciar imediatamente a readequação do hospital e fazer com que o “Abelardo Santos” passe a atender a demanda dos bairros próximos, reduzindo a pressão sobre os hospitais do centro de Belém.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

O silêncio dos bons

Anterior

Paralisia institucional

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *