Ontem duas famílias viveram momentos de terror, vítimas de assalto à mão armada por volta das 13 horas, durante passeio no Parque do Utinga, um dos lugares mais lindos de Belém e importante equipamento turístico parauara. Trata-se do oitavo roubo…

Em iniciativa inédita, o Fórum de Entidades em Defesa do Patrimônio Cultural Brasileiro celebra os percursos individuais e coletivos que construíram as políticas de salvaguarda do patrimônio cultural no Brasil, lançando a obra “Em Defesa do Patrimônio Cultural”, organizado por…

Neste sábado, 16, postos de saúde ficarão abertos para a vacinação com foco em menores de 15 anos. Em Belém, 11 unidades vão funcionar das 8h às 14h. A campanha da Multivacinação iniciou no dia 04 de outubro e segue…

De autoria do carnavalesco e professor Paulo Anete, o enredo para o Carnaval 2022 da Escola de Samba Grêmio Recreativo Carnavalesco e Cultural Os Colibris, de Belém do Pará, é “Zélia Amada/ Zélia de Deus/ Zélia das Artes/ Herdeira de…

Belém sai na frente contra trabalho infantil

Fotos: Edney Martins
Belém do Pará é a capital de vanguarda na erradicação do trabalho infantil e vai mostrar, no dia 1º de março de 2015, que a sociedade está mobilizada no enfrentamento dessa chaga social. Uma comissão da campanha de combate ao trabalho infantil desenvolvida pelo TRT8 reuniu hoje com o prefeito Zenaldo Coutinho a fim de ultimar os detalhes para a grande Marcha de Belém contra o trabalho infantil. Com o apoio do Governo do Estado e da Prefeitura de Belém, além de mais 87 parceiros em todo o Pará, a intenção é chamar a atenção do mundo para a responsabilidade de todos. Historicamente, crianças do interior e da periferia das capitais são levadas por famílias de classe média sob promessa de uma vida mais digna, com educação e lazer. Mas a realidade é que são submetidas ao trabalho doméstico, ao espancamento e à violência sexual. É preciso que cada um reflita sobre a questão e colabore para extirpar esse câncer social. Nos últimos anos, os índices de trabalho infantil na nossa região foram os que mais caíram, em todo o Brasil, fruto do esforço coletivo e da somatória  das ações desenvolvidas pelos organismos governamentais, entidades de classe e ongs. Mas é preciso avançar mais. Faça a sua parte. No domingo, 1º de março, marche conosco! A concentração será na Escadinha da Estação das Docas, às 8h, com direito a arrastão do Peixe-Boi do Pavulagem. A chegada será na Praça da República, onde haverá ato público e show com artistas parauaras.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *