0
Desde a madrugada de hoje, o gerente do Banpará em Bragança, a 210 Km de Belém, está sequestrado, junto com sua família. O bancário foi até a agência buscar o dinheiro exigido pelos assaltantes e todos foram levados como reféns.
A polícia já cercou toda a agência. Até agora, as áreas de saúde, segurança e auditoria do Banpará continuam em Belém, por falta de carro (!).
As entidades sindicais protocolocaram ofício junto à presidência do Banpará no último dia 7, historiando a situação de constante violência sofrida pela categoria e apresentaram propostas para a segurança bancária, ainda sem resposta do banco.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Policial sofre emboscada

Anterior

Puma abandona passageiros

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *