0

A Comissão de Turismo e Desporto da Câmara Federal aprovou proposta que obriga o governo federal a instalar postos de atendimento ao turista em aeroportos, rodoviárias e ferroviárias interestaduais, que deverão fornecer mapas e publicações, além de dar orientações aos turistas.


Afinal, o Brasil vai sediar a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016. E a estrutura de atendimento ao turista é precária. O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.


Em 1995, quando era presidente da extinta Fterpa, o deputado Luis Cunha criou esse serviço no Terminal Rodoviário de Belém, com muito sucesso, até porque resgatou meninos e meninos de rua que se drogavam e se prostituíam na área e os transformou em Guias dos Viajantes, com retorno às suas famílias e à escola, recebendo bolsa no valor equivalente a um salário mínimo, treinamento, alimentação e uniforme, tudo sob a supervisão do MPE, TJE e órgãos ligados à infância e à Juventude.


Um trabalho de largo alcance social, que não foi mantido pelos que o substituíram. Nem depois da privatização.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Jogo pai d’égua!

Anterior

Feliz Dia das Mães!

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *