0
A divulgação da pesquisa do Ibope ensejou ação cautelar da Frente Popular Acelera Pará. É que o juiz federal Osmani dos Santos, no domingo (29) à noite, reconsiderou a decisão, após o Ibope apresentar as informações requeridas, e a pesquisa foi veiculada em O Liberal e no Bom Dia Pará, da TV Liberal, ontem, cedinho. Mas a decisão judicial só foi publicada às 10 horas da manhã, e pelo prazo legal só deveria ser divulgada nesta quarta.

Mais: o Ibope informou à Justiça Eleitoral que a pesquisa foi realizada no período de 23 a 28/08, e na edição de O Liberal consta que foi de 24 a 26/08.

Enfim: a ação pede que nenhum veículo de comunicação divulgue novamente a pesquisa, bem como nenhum partido, candidato ou coligação divulgue-a no horário eleitoral, sob pena de multa.
Opinião do blog: o mais prático é que sejam realizadas e publicadas – logo – outras pesquisas, de vários institutos, dentro dos parâmetros legais. A população parauara merece.


Atualização às 18h25: O TRE-PA negou o pedido da coligação Acelera, Pará.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Escolas tecnológicas

Anterior

Ave, Radegundes!

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *