Membro da Academia Brasileira de Ciências Contábeis (Abracicon), a professora doutora Leila Márcia Elias participou recentemente do Congresso Internacional de Contabilidade da Universidade de São Paulo. Como parte da programação do Núcleo de Contabilidade e Meio Ambiente da USP, que…

Shäron Moalem, médico que ficou conhecido mundialmente por prever no começo da pandemia da Covid-19 que mais homens morreriam vítimas do vírus do que mulheres, diz que o sexo feminino é mais forte que o masculino quanto à sobrevivência, assim…

No período de 10 a 28 de agosto, o navio-hospital-escola Abaré começa nova expedição, oferecendo a 75 comunidades do rio Tapajós nos municípios de Santarém, Aveiro e Belterra serviços de atenção básica à saúde: consultas médicas, odontológicas e de enfermagem,…

O IV Distrito Naval da Marinha do Brasil ativou nesta quarta-feira (4), o Grupo de Embarcações de Operações Ribeirinhas do Norte uma nova Organização Militar em Belém (PA), com propósito de contribuir para a aplicação do Poder Naval na área…

Pontapé inicial

Tive conhecimento do encontro realizado ontem, em Brasília, entre o presidente do PMDB do Pará, deputado Jader Barbalho, com lideranças nacionais do PT, ministro Alexandre Padilha, José Eduardo Dutra e João Batista Silva, presidentes nacional e estadual do partido. No meu entendimento, a relação PMDB/PT no Pará vai além da discussão por cargos, palanques ou qualquer outro item que geralmente pontifica em ano eleitoral. O que está em xeque são as relações institucionais entre meu partido e o governo, abaladas em função de acontecimentos que são públicos e principalmente do que não aconteceu após a vitória do atual governo, que só foi possível com a contribuição determinante do PMDB. Só para ficar em um exemplo que posso ver da minha janela: fui o prefeito que apoiou a candidata Ana Julia logo na primeira hora, além de ter sido coordenador da campanha de reeleição de Lula, junto com a prefeita de Santarém, Maria do Carmo. De minha parte esperava muito mais para Ananindeua nesses mais de três anos de governo Ana Julia. O fato deste governo ter tratado melhor Ananindeua do que o governo anterior não me impede de dizer que as ações realizadas são insuficientes para resgatar os compromissos firmados no palanque em 2006. Reafirmo, entretanto, que essa querela não é de natureza pessoal, mas política e administrativa. Não se trata de quem está ocupando cargos ou os desocupando neste momento, mas de se manter e cumprir compromissos firmados, assegurando princípios que devem existir entre instituições que merecem ser respeitadas, seja por sua história passada ou presente. Olhar para o futuro é importante, mas jamais se pode deixar de mirar o que ficou para trás, para que sirva de base para o que está por vir.

(Helder Barbalho, prefeito de Ananindeua e presidente da Federação das Associações dos Municípios do Pará, estreando hoje na blogosfera).

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *