Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

As Diretorias de Combate à Corrupção e de Polícia do Interior da Polícia Civil do Pará prenderam hoje (28), no Distrito Federal, durante a Operação "Litania”, uma falsa empresária e sócios-proprietários que utilizavam empresa de fachada como instituição financeira para…

A Secretaria de Estado da Fazenda do Pará publicou extrato de dispensa de licitação para contratar a Prodepa, por R$800.427,88, a fim de desenvolver novo site da Transparência do Governo do Pará, com criação de nova arquitetura de informação, navegação…

Andar de motocicleta proporciona histórias, experiências e adrenalina. Motos oferecem facilidade de locomoção rápida e de conseguir estacionamento. Mas a liberdade é, sem dúvida, o motivo número 1 de todo motociclista. Sentir o vento, o clima, fazer parte da paisagem. Este é…

Para que Lei do Idoso, se não a respeitam?

O desrespeito ao idoso no Brasil é uma patologia cultural, social e política. Quando se vê nos estacionamentos as vagas ocupadas indevidamente, é apenas a ponta de uma situação constante de violação de direitos, e alguns nem precisavam estar na legislação, eis que se trata de obrigação moral. 

A discriminação aos idosos por planos de saúde, em total afronta à garantia constitucional decorrente do princípio da dignidade humana, é tão comum que já se banalizou. Aumentam de forma vertiginosa os valores tendo em vista que são usuários com maior probabilidade de utilização de serviços de maior complexidade, ao arrepio também do Código de Defesa do Consumidor e cometendo abertamente infrações administrativas e penais. E ninguém faz algo.

Os próprios entes públicos põem a política social da terceira idade em segundo plano. Todos os dias a União lança novo pacote de maldades para dificultar ao idoso o benefício da aposentadoria, e quando ela é obtida os valores jamais são equivalentes à sua contribuição. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *