0
No debate, a governadora lembrou que, quando assumiu, o acelerador linear novo, que poderia ter atendido tantas pessoas necessitadas no Hospital Ofir Loyola, estava há três anos literalmente jogado no almoxarifado da Sespa, sob a jurisdição de Valéria Pires Franco, que era secretária de Proteção Social e vice-governadora à época. O equipamento agora está sendo instalado, com acompanhamento da CNEN (Comissão Nacional de Energia Nuclear).
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Repto lançado

Anterior

Costura política

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *