0
Continua o impasse nas eleições para a nova diretoria da Adepol-PA. 355 delegados de polícia votaram na quinta feira passada, mas havia assinaturas a mais do que o número de votos na urna.
O pleito foi anulado e a mesa apuradora resolveu nem contar os votos. Lacrou todo o material eleitoral, que está na secretaria da entidade até hoje, aguardando a convocação de assembléia geral extraordinária para decidir o que fazer. A disputa é tão acirrada que ninguém vai se espantar se desaguar no Judiciário.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Selo Unicef

Anterior

Cadeado na Sema

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *