0
O juiz federal do Trabalho Océlio Morais, titular da Vara do Trabalho de Capanema, foi aprovado na concorrida e difícil seleção ao doutorado em Direito Previdenciário da PUC-SP. Apenas quatro vagas foram oferecidas para todo o País. Houve prova escrita e oral (entrevista) com a banca examinadora, depois de preenchidos os pré-requisitos do projeto de tese e da carta de intenções.

Na sessão de hoje, o pleno do TRT da 8ª Região, à unanimidade, concedeu licença ao juiz para cursar o doutorado. Océlio Morais foi titular da 1ª Vara do Trabalho de Santarém no período de 2003 a julho de 2005. Mestre em Direito Constitucional (UFPA), é também especialista em Direito Público (Unama) e em Direito do Trabalho e Sindical (Unicamp).

Como jornalista profissional (com diploma), Océlio Morais ganhou o prêmio nacional de jornalismo impresso em 1993, promovido pela Fenaj e Petrobrás.

O blog é fã de Océlio, santareno talentoso e vencedor com méritos próprios, exemplo de dignidade, competência e retidão em suas atividades.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Política com o fígado

Anterior

Salvem uma vida!

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *