0

Para quem nunca viu: comunitários hasteiam as bandeiras, fincam os mastros e fazem a procissão do Çairé, ritual sincrético religioso indígena que incorporou elementos da cultura cristã, realizado há mais de 200 anos na Vila de Alter do Chão, em Santarém. Fotos de Tamara Saré/AG Pará.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Índios opinam sobre a UHE-Belo Monte

Anterior

RE X PA

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *