0

Vale, Nippon Steel JFE e Posco vão se unir e aumentar a produção de carvão para volume quase quatro vezes maior em mina controlada pelas quatro na Austrália. A Vale, que opera a mina e controla 80% de seu capital, está expandindo a produção de modo a atender a crescente demanda por carvão, insumo da produção siderúrgica, por parte da China e do Japão. Os planos de elevar a produção de aço, aliados a episódios de redução da oferta, puxaram os preços do coque siderúrgico para nível recorde este ano, quando a Nippon, a segunda maior produtora mundial do metal, concordou em pagar US$ 300 a tonelada pelo coque a partir de primeiro de abril, mais que o triplo da tarifa pactuada nos contratos de fornecimento em 2007.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

A Fênix

Anterior

UHE-Belo Monte

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *