0

O fundamental do Prêmio Márcio Ayres é o estímulo que se dá aos jovens pesquisadores para que conheçam mais a nossa Amazônia. Esse é o ponto crucial, pois devastar a Amazônia todo mundo sabe, mas o conhecimento para evitar que ela se torne um espaço inabitável não. O Prêmio é sempre uma grande homenagem ao meu filho”.
(Manuel Ayres, médico, cientista pioneiro na pesquisa genética e bioestatística, pai do saudoso pesquisador José Márcio Ayres – primatólogo do Museu Goeldi, um dos maiores especialistas brasileiros em biologia da conservação e criador da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá -, emocionado, sobre a importância do Prêmio para o prosseguimento do trabalho que Márcio Ayres iniciou.)
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Saco de maldades

Anterior

Cláudio Puty & bancada federal

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *