0

O ministro Gilmar Mendes, passou o maior aperto quando chegava ao Fórum Clóvis Bevilácqua, anteontem, em Fortaleza (CE). Jornalistas munidos de cartazes, faixas, apitos, narizes de palhaço e chapéus de mestre-cuca cercaram o presidente do STF. “Ô Gilmar Mendes, presta atenção, jornalista tem que ser com formação“, gritavam os coleguinhas.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

CRM, o Pilatos do Pará

Anterior

Vale a pena

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *