0

O STF recebeu ontem denúncia do MPF contra o deputado federal Francisco de Assis Rodrigues (DEM-RR), por peculato: ele se apropriou, junto com familiares, de recursos federais (cerca de R$ 1 milhão) obtidos por meio de aprovação de emenda de sua autoria ao Orçamento Geral da União. A verba seria destinada à implantação da cultura do café no município de São Luiz do Anauá (RR).

Com a emenda aprovada, contratou sem licitação a Art Tec, empresa especializada em terraplanagem e construção civil, que pertencia ao irmão e a cunhada dele (!), que não limpou muito menos preparou a área para o plantio. E ainda superfaturou o valor das mudas em 84%.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Basta de impunidade

Anterior

Fora, corruptos!

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *