Embora o Quartel Tiradentes esteja localizado no coração do bairro do Reduto, sediando o 2º BPM e duas Companhias da Polícia Militar do Pará, os meliantes parecem desafiar abertamente os policiais. Os assaltos no bairro continuam muito frequentes, principalmente no…

Douglas da Costa Rodrigues Junior, estudante de Letras - Língua Portuguesa da Universidade Federal do Pará e bolsista do Museu Paraense Emílio Goeldi, ganhou a 18ª edição do Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica na área de Ciências Humanas…

O Ministério Público do Trabalho PA-AP abrirá na segunda-feira inscrições para Estágio de Nível Superior. A seleção será destinada ao preenchimento de vagas e formação do quadro de reserva de estagiários dos cursos de Administração/Gestão Pública, Biblioteconomia, Direito, Jornalismo, Publicidade/Propaganda…

Hoje, dia 23 de julho de 2021 às 19h, o Instituto Histórico e Geográfico do Pará realizada a nona “Live em Memória” da programação alusiva aos 121 anos do Silogeu, desta vez em homenagem ao centenário de nascimento do Almirante…

Fórum de Discussões Hidroviárias

Nesta sexta, 25, a Federação das Indústrias do Pará sedia o Fórum de Discussões Hidroviárias, Portuárias e Logísticas: Perspectivas e Soluções, promovido pelo Conselho Nacional de Praticagem, em parceria com a Universidade Federal do Pará. 

O diretor-presidente do Conapra, prático Gustavo Martins, vai traçar um panorama da praticagem na região Norte. Já o professor doutor Hito Braga de Moraes, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Engenharia Naval da UFPA, discorrerá acerca das “Alternativas portuárias para o Estado do Pará”. Flávio Acatauassu Nunes, do Movimento Pró-Logística do Pará, abordará entraves e soluções para a logística de cargas na Amazônia. Por sua vez,o superintendente da Administração das Hidrovias da Amazônia Oriental, Miguel Fortunato, explicará a importância dos rios para o desenvolvimento regional. Por fim, o capitão de Mar-e-Guerra José Alexandre Santiago da Silva, comandante da Capitania dos Portos da Amazônia Oriental, falará sobre a atuação da Marinha. 

O Brasil tem 22 zonas de praticagem e 416 práticos, que conduzem embarcações em águas restritas.
Só na região norte, há 241 práticos, três zonas e nove empresas de praticagem. 

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *