0
Esta quem conta é a Gabi, minha filha. “Cenas pitorescas do domingão na av. Paulista: na ida para almoçar, me deparo com Dra. Havanir de corpo de fora em um teto solar de um carro, acenando para todos, com um carro de som atrás com um busto seu (sabe aquele canguru da Riachuelo? Naquele estilo…) e tocando o jingle, uma paródia do tema de “Rocky Balboa” (escute aqui)!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! E, para alegrar a volta, quem aparece, numa “carreata” de quatro carros? Levy Fidelix (veja aqui), com uma maquete do aerotrem em cima do carro!!!! E, pra piorar (ou melhorar o divertimento), os carros pararam no acostamento na frente da FIESP e seus cabos eleitorais começaram a fazer dancinhas e chamar quem passava para apertar a mão do bigodudo, sentado no banco de passageiro da frente do carro. É cada uma que aparece… “
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Viva Walcyr Monteiro!

Anterior

A Amazônia devastada

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *