0

Vejam só: a Mesa Diretora da Câmara Federal aprovou hoje projeto que muda as regras de funcionamento do Conselho de Ética da Casa, estabelecendo que os deputados serão obrigados a devolver dinheiro à Câmara se fizerem mau uso da verba parlamentar. Suas Excelências esquecem que isso é, desde 1998, um imperativo constitucional, para não haver prejuízos ao erário. Aliás, se a Constituição e a lei fossem respeitadas, neste País, o quase ex-deputado federal Vic Pires Franco teria sido obrigado debaixo de vara a devolver o dinheiro do povo com que se esbaldou passeando no Exterior com a família inteira, namorados das filhas e amigos. Dinheiro esse que poderia ter salvo a vida de muitas pobres crianças, jovens, adultos e idosos que ele jurou proteger.

Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Sofrimento amazônico

Anterior

Passo adiante

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *