0

Equipe de fiscalização do Ibama apreendeu ontem artesanato com penas e partes de animais silvestres nativos no calçadão de Santarém, até uma iguana que estava amarrada e exposta, para ser vendida a turistas. Foram incinerados 68 brincos, 18 prendedores, um colar, uma cabeça de macaco adulto e uma mandíbula pequena, de filhote – o que leva a crer que sejam de mãe e filho -, e uma pata de jacaré, além de couro de cobra e de gato maracajá.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Varanda espaçosa

Anterior

Bolsas disponíveis

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *