0
Encerrada a eleição direta para procurador geral de Justiça do Pará e proclamado o resultado final. A lista tríplice ficou assim: 1º lugar, o mais votado foi o promotor de justiça César Mattar (214 votos). Em 2º, Gilberto Valente (143 votos), e em 3º Hamilton Salame (34 votos). Esta foi a eleição para PGJ com maior participação dos membros: 94%. Em 2014 foram 90% votantes e em 2012, 91%. O governador Simão Jatene terá 15 dias para nomear o novo chefe do Ministério Público do Estado.  

Hamilton Nogueira Salame teve o mesmo número de votos que Acenildo Botelho Pontes (34). O critério de desempate foi maior tempo de atividade na carreira. Jacirema Ferreira da Silva e Cunha obteve 22 votos. 

Foram 326 votantes no universo de 346 membros aptos a votar. Na urna eletrônica foram 280 votos e 46 vieram do interior pelos Correios. A Comissão eleitoral decidiu impugnar 16 votos do interior, por não preencherem todos os requisitos legais. O prazo recursal é de 48 horas. Não sendo protocolado recurso, a lista será encaminhada na segunda-feira ao procurador-geral de Justiça, que a enviará no mesmo dia ao governador do Estado.

Na foto da ascom do MPE-PA, os concorrentes e a comissão eleitoral.
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, membro da Academia Paraense de Jornalismo, da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

MP quer fechar lojas por risco de incêndio

Anterior

Baía do Sol, na Ilha do Mosqueiro

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *