0
Vejam só: há décadas a Assembleia Legislativa do Pará expede documentos pessoais como RG, Certidão de Nascimento e Carteira de Trabalho, em primeira e segunda vias, na capital e em ações itinerantes no interior. Através do Centro de Atendimento ao Cidadão (CAC), só em 2016 mais de 30 mil pessoas foram beneficiadas. Mas recente decreto federal declarou aptos a fornecer a CTPS apenas os órgãos do poder Executivo. Resultado: milhares de pessoas que procuram uma vaga de emprego ficaram sem acesso. 

Preocupado com a situação, o presidente da Alepa, deputado Márcio Miranda, reuniu com o superintendente regional do Trabalho, Alberto Campos, para discutir um Termo de Cooperação Técnica.  Uma das possibilidades será a cessão de pelo menos dois servidores do órgão à Alepa.

O  CAC fica na Rua Félix Roque, entre Thomázia Perdigão e Dr. Malcher, na Cidade Velha, em Belém do Pará. Funciona de segunda a quinta-feira, das 8h às 14h. Às sextas-feiras, das 8h às 12 horas. Anotem o telefone: (91) 3213-4230. 
Franssinete Florenzano
Jornalista e advogada, presidente da Academia Paraense de Jornalismo, membro da Academia Paraense de Letras, do Instituto Histórico e Geográfico do Pará, da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo e do Instituto Histórico e Geográfico do Tapajós, editora geral do portal Uruá-Tapera e consultora da Alepa. Filiada ao Sinjor Pará, à Fenaj e à Fij.

Malemolência cabocla no Veropa

Anterior

Valsas Santarenas

Próximo

Vocë pode gostar

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *