Vanete Oliveira, 28 anos, mãe de cinco filhos, vive em Portel, município do arquipélago do Marajó(PA). Ela sofre há catorze anos dores atrozes além do desconforto, trauma e todo tipo de dor física e psicológica, por conta de um tumor…

As Diretorias de Combate à Corrupção e de Polícia do Interior da Polícia Civil do Pará prenderam hoje (28), no Distrito Federal, durante a Operação "Litania”, uma falsa empresária e sócios-proprietários que utilizavam empresa de fachada como instituição financeira para…

A Secretaria de Estado da Fazenda do Pará publicou extrato de dispensa de licitação para contratar a Prodepa, por R$800.427,88, a fim de desenvolver novo site da Transparência do Governo do Pará, com criação de nova arquitetura de informação, navegação…

Andar de motocicleta proporciona histórias, experiências e adrenalina. Motos oferecem facilidade de locomoção rápida e de conseguir estacionamento. Mas a liberdade é, sem dúvida, o motivo número 1 de todo motociclista. Sentir o vento, o clima, fazer parte da paisagem. Este é…

Aranha no vinho da Missa

Hoje de manhã, durante a Missa que celebrou a primeira Eucaristia das crianças na Basílica Santuário de Nazaré, o simpático padre Giovanni, ao mostrar didaticamente a utilidade de cada objeto litúrgico aos pequenos, disse que a Pala (cobertura quadrangular para o cálice) é necessária pra proteger o conteúdo sagrado. Ante os olhares arregalados dos meninos e meninas, ele exemplificou a necessidade: outro dia, ao celebrar Missa embaixo de uma mangueira, em Irituia(PA), caiu uma aranha no cálice. E ele tomou o vinho com ela e tudo. É que o líquido já estava consagrado e não podia jogar fora o sangue de Cristo, contou o sacerdote, com muita humildade e fervor. 

Ora, se o astro do heavy metal Ozzy Osbourne (codinome Príncipe das Trevas), da banda britânica Black Sabbath,  mordeu um morcego no palco, por que um religioso não tomar vinho com aranha, em respeito à liturgia? Para quem não sabe: o momento bizarro do roqueiro foi ao vivo, em janeiro de 1982, nos EUA. Um fã jogou o bicho no palco e o Madman não hesitou: deu uma dentada achando que o animal era de brinquedo. 

Na foto, o querido padre Giovanni com as crianças ao final da Missa.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *