Em Itupiranga, força-tarefa do Ministério Público do Trabalho no Pará e Amapá, Auditoria Fiscal do Trabalho, Defensoria Pública da União e Polícia Federal resgatou sete trabalhadores em condições análogas às de escravos, em duas fazendas no sudeste paraense, e prendeu…

Nesta quinta-feira, dia 21, até o sábado, 23, a Escola do Legislativo da Assembleia Legislativa do Pará oferece os cursos de qualificação e atualização do projeto Forma Alepa/Elepa Itinerante em Santarém, atendendo toda a região do Baixo Amazonas, abrangendo também…

Em reunião conjunta das Comissões de Fiscalização Financeira e Orçamentária (CFFO) e de Constituição e Justiça (CCJ) da Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (18) foi aprovado o projeto de lei nº 363/2021, que autoriza o Governo do Pará a contratar operação…

Não houve o célebre círio fluvial de Oriximiná no rio Trombetas este ano, por causa da pandemia, mas a imagem de Santo Antônio flanou pelas águas, levada pela comunidade de várzea do Rio Cachoeiry, que celebrou o verão depois da…

Aranha no vinho da Missa

Hoje de manhã, durante a Missa que celebrou a primeira Eucaristia das crianças na Basílica Santuário de Nazaré, o simpático padre Giovanni, ao mostrar didaticamente a utilidade de cada objeto litúrgico aos pequenos, disse que a Pala (cobertura quadrangular para o cálice) é necessária pra proteger o conteúdo sagrado. Ante os olhares arregalados dos meninos e meninas, ele exemplificou a necessidade: outro dia, ao celebrar Missa embaixo de uma mangueira, em Irituia(PA), caiu uma aranha no cálice. E ele tomou o vinho com ela e tudo. É que o líquido já estava consagrado e não podia jogar fora o sangue de Cristo, contou o sacerdote, com muita humildade e fervor. 

Ora, se o astro do heavy metal Ozzy Osbourne (codinome Príncipe das Trevas), da banda britânica Black Sabbath,  mordeu um morcego no palco, por que um religioso não tomar vinho com aranha, em respeito à liturgia? Para quem não sabe: o momento bizarro do roqueiro foi ao vivo, em janeiro de 1982, nos EUA. Um fã jogou o bicho no palco e o Madman não hesitou: deu uma dentada achando que o animal era de brinquedo. 

Na foto, o querido padre Giovanni com as crianças ao final da Missa.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *