A expectativa era grande em relação à ida do governador Helder Barbalho à Assembleia Legislativa para a leitura da Mensagem na instalação da 61ª Legislatura. Funcionou como uma espécie de termômetro da Casa, que abriga novos deputados na oposição, e…

Foram empossados hoje na Assembleia Legislativa do Pará os 41 deputados estaduais eleitos para a 61ª Legislatura (2023-2027). Em seguida houve eleição para a Presidência e a Mesa Diretora, em chapa única, tendo sido reeleito praticamente à unanimidade – por…

O governador Helder Barbalho está soltando a conta-gotas os nomes dos escolhidos para compor o primeiro escalão de seu segundo governo. Nesta quarta-feira será a posse dos deputados estaduais e federais e dos senadores, e a eleição para a Mesa…

Pela primeira vez na história, está em curso  um movimento conjunto da Academia Paraense de Letras, Academia Paraense de Jornalismo, Instituto Histórico e Geográfico do Pará e Academia Paraense de Letras Jurídicas, exposto em ofício ao governador Helder Barbalho, propondo…

Agenda da Asconpa

A direção da Associação dos Concursados, reunida no último sábado, 26/2, aprovou uma extensa agenda de ações para ser cumprida no decorrer de 2011. Entre as principais, estão: cobrança das nomeações dos concursados aprovados em certames realizados pela administração pública estadual e a realização de concursos públicos pelos órgãos do Estado.

Segue a lista dos principais pontos decididos na reunião:
1) Elaborar, pedir apoio de entidades sindicais e divulgar Nota de Repúdio a maneira desrespeitosa como foram tratados os dirigentes da Asconpa, pelos secretários de Educação Nilson Pinto e de Administração, Alice Viana, em reuniões distintas, agendadas para tratar de pauta de interesse dos concursados;
2) Cobrar o cumprimento da promessa de nomeações de concursados, feitas pelo governo do Estado, amplamente divulgadas na imprensa;
3) Impetrar mandados de Segurança visando garantir as nomeações dos aprovados em concursos públicos, atentando, especialmente, para duas seguintes situações: a) vagas reservadas a concursados ocupadas por servidores comissionados, temporários ou terceirizados. b) datas de validade do certame expirando em 2011.
4) Cobrar do deputado Edmilson Rodrigues e da senadora Marinor Brito, ambos do PSOL, apoio à luta dos concursados, prometido durante campanha;
5) Exigir concursos públicos nos órgãos da administração pública estadual, nas prefeituras, em órgãos do legislativo paraense (Assembleia Legislativa do Estado e câmaras municipais), nos tribunais (TJE, TCM, TCE) e no Ministérios Público do Estado (MPE);
6) Divulgar denúncias de contratações irregulares e atos que comprometam a gestão pública em todos os órgãos públicos do Estado.
Foi também discutida a ampla participação de vários segmentos da sociedade, que nos tem apoiado de várias maneiras. Entre eles lembramos os familiares dos concursados, cujos investimentos na formação e aprovação de seus entes, sofrem em consequencia da demora nas nomeações. Também a imprensa, em especial os jornalistas sérios e comprometidos com a sociedade, que sempre nos procuram para ouvir e acreditam na seriedade da nossa luta. Também foi destacado na reunião, o apoio que temos recebido do Sintepp, do Sindicato dos Urbanitários, entre outros.
A Associação dos Concursados do Pará tratará o governo Jatene, da mesma maneira com que tratou o governo anterior, exigindo direitos constitucionalmente adquiridos.
Associação dos Concursados do Estado do Pará (Asconpa)
8884 6401
José Emilio Almeida
Presidente
Thiago de Castro Barbosa
Vice-presidente”

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Share on vk
Share on tumblr
Share on pocket
Share on whatsapp
Share on email
Share on linkedin

Conteúdo relacionado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *